6 de janeiro de 2013

[Música] O que esperar para 2013


Chega o fim de ano, encerram-se os lançamentos e uma gama de sites/blogs fazem suas retrospectivas dos melhores álbuns, singles e clipes do ano. E é nesse momento que surge a pergunta que nunca se cala: em 2013 teremos lançamentos tão bons como os de 2012? Talvez não seja tão difícil responder, já que dois importantes lançamentos (um deles um vazamento) já deram o ar de sua graça. Skrillex, o maior nome do dubstep contemporâneo, disponibilizou no último dia 03, em seu canal do YouTube, o novo EP Leaving, com duas canções inéditas (uma delas finalizada poucas horas antes de liberar o  trabalho completo na web), “The Reason” e “Leaving”, e uma já conhecida por compor as setlists do rapaz, “Scary Bolly Dub”. O EP é uma espécie de “versão suavizada e melhorada” do velho e bom som de Skrillex e parece ser apenas uma prévia de algum ótimo álbum que está por vir.

Vazado há mais de um mês, o Utopia da Kerli também provou que 2013 pode superar 2012 (ou ser um desastre), pelo menos em synth pop. A estoniana nesse segundo trabalho traz algo mais intenso do que em seu primeiro, Love Is Dead, com uma sonoridade mais radiofônica e aderindo a uma imagem colorida e iluminada. O álbum conta com a ótima e já conhecida “Zero Gravity”, além das inéditas “Last Breath”, “Kaleidoscope” e “Here and Now”. Mas parece que esses ótimos lançamentos não param por aqui. Muitas são as promessas para este novo ano, e grande parte (não a maioria) com data marcada para o primeiro semestre e título definido, o que não se pode afirmar nem confiar, já podem surgir imprevistos e esses lançamentos nunca acontecerem. 

Lady Gaga
O ARTPOP (sim, é assim mesmo em letras maiúsculas) é, sem dúvidas, o disco mais esperado deste ano, que será dividido entre uma parte radiofônica e outra mais experimental (vai saber o que ela quis dizer com isso!) e pode chegar ao mercado entre fevereiro e março. Segundo a própria Lady Gaga, este será muito diferente dos trabalhos anteriores, e sabe-se que ela compôs 50 músicas para o álbum que contará com um aplicativo exclusivo para smartphones e tablets, uma espécie de canal onde a cantora e compositora liberará informações sobre o disco, remixes, vídeos, etc. Mesclando a expectativa com a promessas da moça para os fãs, esse álbum só tem que ser um tremendo sucesso.

Beyoncé
Depois de um tempo afastada dos palcos desde o nascimento de sua primeira filha, Beyoncé prometeu (e parece estar cumprindo) voltar aos estúdios e lançar um disco novo logo no começo do ano, que desde o 4 têm-se criado muita expectativa sobre um futuro trabalho da norte-americana. Especula-se que o álbum deva ser intitulado como Touchdown e que o primeiro single seja lançado em sua apresentação no Super Bowl, em fevereiro. Ne-Yo e Miguel foram os primeiros nomes confirmados na produção, portanto não se pode esperar muitas mudanças na sonoridade, será o velho e ótimo R&B de ponta a ponta.


Britney Spears
Sim, parece que Neydinha está trabalhando em um novo trabalho para suceder o Femme Fatale e promete coisa boa! Ainda não se tem muitos detalhes sobre a produção, mas é certo de que a sonoridade e melodia não devam mudar, e se duvidar, nem as mensagens das letras. Mas, quem sabe ela não se renda às magias do dubstep, não é mesmo?






Paramore
Não é só o cenário de música pop que promete “revolucionar” neste ano. O bom pop rock vem representado por Paramore que já está com seu novo álbum homônimo a caminho e parece que cheio de surpresas. Agora sem os irmãos Farro, a banda pretende arriscar mais num som pesado e com algo mais radiofônico, já com data marcada para o lançamento do primeiro single, “Now”, em 22 de janeiro, e com prévia no YouTube.




Cher
A múmia está retornando! (brincadeirinha, y’all) DOZE ANOS após o lançamento de Living Proof, Cher deu sinais de um possível retorno com o lançamento do lead-singleWoman’s World”, mais uma daquelas boas farofinhas pop-eletrônicas características à cantora. O possível álbum, que sabe-lá-Deus quando será lançado, contará com a participação de Lady Gaga e promete ser um estouro ou um terrível desastre.



Mariah Carey
Prevendo um possível desastre em vendas depois da recepção não muito calorosa de “Triumphant (Get 'Em)” (que não conseguiu nenhuma posição de destaque nos rankings da Billboard), Mariah Carey adiou para este ano o lançamento do seu álbum, para trabalhar melhor nas músicas já que, também, estava se dedicando como jurada no American Idol. Ainda não se tem muitas informações a respeito do trabalho que marcará a volta da cantora de um hiatus de quase quatro anos, mas pela prévia que tivemos com “Triumphant Get 'Em”, pode-se esperar a mesma sonoridade, só que pincelada por leves batidas.


Foster the People
E a banda Foster the People aceitou o arriscado desafio de atingir o sucesso do seu sucessor Torches, álbum de 2011. Menos sintetizadores e mais guitarras é o que Mark Foster e cia prometem, em entrevista para a revista digital da Billboard. O disco será muito comemorativo e muito do primeiro estará presente neste, porém um tanto diferente. A banda contou que The Clash e bandas sessentistas como o The Kinks poderão influenciar na produção do álbum, que ainda não tem uma data oficial para lançamento. 



Marcelo Jeneci
Dono de uma das maiores vozes do indie pop nacional (quiçá de toda MPB), Marcelo Jeneci, finalmente, anunciou um novo álbum para junho deste ano, depois de um intervalo de 3 anos desde o lançamento do muito aclamado Feito pra Acabar. Segundo ele, as músicas serão pensadas em como soarão quando cantadas ao vivo, sendo um trabalho curto e direto, com duas possíveis parcerias, Erasmo Carlos e Marcelo Camelo, e especula-se que Arnaldo Antunes, Vanessa da Mata e Zélia Duncan também farão parte. Kassin continuará assinando a produção, além da permanência de toda a banda que compôs o primeiro álbum. 

Vale destacar ainda outros lançamentos de artistas como Eminem, que contará novamente com a participação de Dr. Dre; The Black Keys, Justin Timbarlake, que está desde 2006 sem um lançamento, os canadenses do Arcade Fire, Jessie J, Miley Cyrus, Katy Perry e inúmeros outros importantes nomes. Só nos resta esperar que essas promessas sejam realmente cumpridas e que 2013 faça melhor que 2012!