19 de abril de 2013

[Resenha] Romeu Imortal - Stacey Jay

Olá pessoal, mais uma resenha dupla para vocês!


Atenção: Essa resenha contém spoilers de Julieta Imortal.

Sinopse: "Amaldiçoado a viver por toda a eternidade em seu espectro, Romeu, conhecido por seus modos rudes e assassinos, recebe uma chance de se redimir viajando de volta no tempo para salvar a vida de Ariel Dragland. Sem saber, Ariel é importante para os dois lados, os Mercenários e os Embaixadores, e tem o destino do mundo nas mãos. Romeu deve ganhar seu coração e fazê-la acreditar no amor, levando-a contra seu potencial obscuro antes de ser descoberto pelos Mercenários. Enquanto sua sedução se inicia como outra mentira, logo ela se torna sua única verdade. Romeu jura proteger Ariel de todo o mal, e fazer qualquer coisa que for preciso para ganhar seu coração e sua alma. Mas quando Ariel se decepciona com ele, ela fica vulnerável à manipulação dos Mercenários, e sua escuridão interna poderá separá-los para sempre".

Carol: Sem sombra de dúvida "Romeu Imortal" é mais apaixonante do que "Julieta Imortal". Nessa continuação, tanto Ariel quanto Romeu possuem uma "química" desde o início, e Ariel, uma personagem que pensávamos que era totalmente sem graça, deprimida no primeiro livro, mostra-se engraçada, sarcástica, meiga e briguenta. É como se tivessem realizado um transplante de personalidade em Ariel.
E o jogo de conquista que Romeu inicia também é envolvente. É um jogo de gato e rato, mas no final não sabemos quem é o gato e quem é o rato.
Outro ponto positivo desse livro é que vamos descobrir algumas verdades sobre os embaixadores. Além disso, os capítulos do livro alternam entre o ponto de vista do Romeu e da Ariel, então podemos avaliar as reações dos dois personagens diante das situações que vão surgindo.
Mas da mesma forma que "Julieta Imortal", esse livro é leve, divertido, mas faltou "algo" para deixá-lo fantástico.
É indicado para uma leitura descompromissada.

Ananda: Ao contrário de Julieta Imortal, eu achei Romeu Imortal mais legal, a história me prendeu mais. Sabe aquele ditado de que toda história tem dois lados? Nessa duologia fica bem claro isso, a mesma história contada por dois pontos de vista diferentes. Eu gostei muito mais do pdv do Romeu, consegui me identificar com o personagem.
A história mostra os acontecimentos de Julieta Imortal narrados por Romeu, dessa vez Julieta não está tão presente na história e a protagonista da vez é Ariel. E eu acho que o meu problema com Julieta Imortal era justamente com Julieta, achava a personagem enjoada demais. Ariel, por outro lado, me convenceu muito mais com a sua história e seus trejeitos.
Eu gostei muito de ver o final da história contado de forma diferente e de como tudo fez sentido, a sensação que eu tive ao final da leitura foi muito boa (e bem melhor do que quando li Julieta Imortal). A diagramação do livro é muito boa e a Novo Conceito mandou muito bem em deixar as capas originais.

Espero que tenham gostado da resenha.
Beijos
Carol e Ananda

Editora: Novo ConceitoAno: 2012
Páginas: 320
Autora: Stacey Jay
Avaliação: 

  • Carol: 3/5
  • Ananda: 5/5