17 de junho de 2013

[Resenha] Sem promessa, sem compromisso - Nora Roberts

 "-Por que está insistindo comigo? - perguntou ela(...) -Porque quero você. -Ele ficou perto, o bastante para que o cheiro dela o envolvesse." (Página 79, versão de bolso.)


Sinopse: O produtor David Brady deseja fazer um documentário especial sobre paranormalidade. Para o programa ter mais impacto, ele convida a vidente Clarissa DeBasse. Mas Clarissa precisa que sua agente, Aurora Fields, concorde com a participação, e faz com que Brady e Aurora negociem diretamente. Eles logo se sentem atraídos, e muitos segredos começam a ser revelados, mudando o rumo da vida de todos para sempre…

Resenha: Nora Roberts, assim como Meg Cabot, Stephen King e outros, sempre contagia nossos olhos em livrarias e em blogs literário, e por este motivo, ao ir a biblioteca que frequento, me arriscar com Nora Roberts.
O livro nos introduz Clarissa de Basse, uma mulher sensitiva e com uma personalidade singular, irônica e repleta de sarcasmo que é convidada por David Brandy, nosso mocinho, para fazer um documentário sobre coisas de cunho paranormal.
E através disso, David conhece A.J.Fields, nossa mocinha e agente de Clarissa. E o livro se desenrola. David Brandy é um mocinho interessante, foge daquele esteriótipo de podre de rico e lindo de morrer, embora ele tenha algum dinheiro e beleza. Ele nos conquista, com sua sinceridade, objetividade e seu romantismo disfarçado. Ele é direto com a A.J desde o principio e não pensamos em amor e paixão tão cedo.
A.J.Fields é a nossa caixinha de surpresa, ela esconde mistérios sobre si e sua relação com Clarissa.Personalidade irônica, forte, madura, e completamente desapaixonada da ideia de se apaixonar. E junto a ela temos a sua quase dupla personalidade, Aurora, uma mulher doce, meiga e apaixonada, além do romantismo.
Eu gostei de sua participação, fugindo das mocinhas comuns que existem por ai, e vemos o quanto ela sofreu.
O livro é bem clichê, mas ainda assim uma leitura que vale a pena, pela leveza da escrita de Roberts, pelo casal que embora fuja um do outro não nos enche a paciência e claro pelo romance fofo.
Um livro para se ler entre um livro e outro, após uma ressaca literária e para distrair sua mente.
Merece também um destaque em relação as cenas mais apaixonadas, por assim dizer, do livro, possuir mais um valor sentimental e psicológico, encobrindo as partes físicas.
Um livro que vale a pena e que me fez querer saber um pouco mais sobre Nora Roberts.

"(...)Continuariam a se ver enquanto os dois quisessem.Sem promessas,sem compromissos.Quando ele decidisse se afastar,ela precisava estar pronta."(Página 148, edição de bolso)