5 de março de 2015

[Resenha Premiada] Amy & Matthew - Cammie McGovern

Autor(a): Cammie McGovern
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501070180
Páginas: 332
Tradutor: Raquel Zampil
Ano: 2015
Skoob
Avaliação: 5/5 + ♥

Sinopse: Amy e Matthew não se conheciam realmente. Não eram amigos. Matthew sabia quem ela era, claro, mas ele também sabia quem eram várias outras pessoas que não eram seus amigos.Amy tinha uma eterna fachada de felicidade estampada em seu rosto, mesmo tendo uma debilitante deficiência que restringe seus movimentos. Matthew nunca planejou contar a Amy o que pensava, mas depois que a diz para enxergar a realidade e parar de se enganar, ela percebe que é exatamente de alguém assim que precisa.À medida que passam mais tempo juntos, Amy descobre que Matthew também tem seus problemas e segredos, e decide tentar ajudá-lo da mesma forma que ele a ajudou.E quando a relação que começou como uma amizade se transforma em outra coisa que nenhum dos dois esperava (ou sabe definir), eles percebem que falam tudo um para o outro... exceto o que mais importa.

Comecei Amy & Matthew com a certeza de que iria chorar. E de que eu ia terminar abraçada com ele e, provavelmente, triste. Posso dizer que duas destas três coisas aconteceram. Eu chorei (e não foi pouco), abracei a história (simbólica e literalmente), porém não fiquei triste quando terminei. De fato existiram lágrimas de tristeza, mas daquele tipo que você tem vontade de entrar nas páginas e ninar o personagem.

Amy nasceu prematura, os médicos acreditavam que ela seria um vegetal, mas ela se mostrou mais forte que os pré-conceitos e cresceu. Embora possua uma deficiência que a impede de se comunicar, a não ser por um aparelho, ela leva a típica vida de uma adolescente, ou o mais aproximado disso. Frequenta uma escola, tira boas notas, porém, ela não possuía amigos. Disposta a mudar isso, planeja um sistema de auxiliadores que são alunos da escola. E é onde entra Matthew. Ele está apresentando os primeiros sintomas de TOC, eu poderia dizer que ele também é o típico adolescente, mas eu estaria mentindo. Muitos o consideram esquisito e não enxergam quem ele é de verdade.

Amy quer ser “normal”, namorar, descobrir quem ela é de verdade. Ela não tem papas na língua, o que a leva a ser muito direta sobre sexo. Já Matthew tem dificuldades de se expressar, de se entregar verdadeiramente, pois sua mente trabalha de uma forma diferente do corpo. E no meio dessa bola de neve, por assim dizer, os dois se encontram e se ajudam.

Amy & Matthew não é apenas uma história de amor. O romance ocupa grande parte do livro, mas não inteiramente. O foco da narrativa não é nos problemas que os dois apresentam ou no relacionamento deles. É um pouco sobre amor, um pouco sobre amizade e um pouco sobre ambos vivendo e batalhando contra as suas dificuldades. Eles aceitam e entendem que possuem uma deficiência, mas não desistem da sua vida, mesmo nos momentos mais difíceis. E nesses momentos é possível descobrir a quem se pode recorrer. Quem vai estar lá para segurar sua mão, dizer que tudo vai ficar bem. Pode parecer clichê, mas não é nada disso.

É uma história de superação, uma descoberta sobre quem é você e com quem se pode contar. É sobre ser decepcionado e se decepcionar com você mesmo. Entender que ninguém é perfeito, mas saber que quem te ama vai te aceitar. É sobre errar, se arrepender e consertar. Perceber que o que pode parecer fácil de confessar, na verdade é o mais difícil. Acima de tudo é sobre viver e correr riscos.


Promoção
Em parceria com a Galera Record vou sortear um exemplar para quem comentar nesta resenha.

As regras são simples:

  • Ter endereço de entrega no Brasil;
  • Comentar na resenha.
O ganhador deve responder ao e-mail enviado em até 48 horas, caso contrário será feito um novo sorteio.
O livro será enviado pelo blog em até 45 dias úteis.
Leiam as políticas de promoções aqui para sanar dúvidas, caso a sua não esteja lá, envie para o e-mail: contato@entrelinhascasuais.com

Preencham o formulário abaixo e boa sorte!